Portal "O Caminho para a Vida Eterna"

Mensagem

Onde está o Deus de Elias hoje? - Introdução

Dr. William Soto Santiago
Maracaibo, Venezuela
Sexta-feira, 17 de julho de 2015



Muito boa noite, amados amigos, irmãos e irmãs presentes, e todos aqueles que estão em diferentes países nesta noite, para a introdução do tema que teremos para o próximo domingo na escola bíblica do domingo que vem.

É para mim uma bênção e um grande privilégio estar com vocês nesta ocasião depois de muitos de dias que fazia sem estar com vocês aqui. Para mim é uma grande bênção estar novamente com vocês. Que Deus abençoe grandemente a todos vocês e os use grandemente aqui em Maracaibo, e a todos vocês que estão através da transmissão da internet ou do satélite Amazonas.

Para esta ocasião leremos em Segunda de Reis, capítulo 2, versículo 8 em diante, onde nos diz:

“Então Elias tomou a sua capa e a dobrou, e feriu as águas, as quais se dividiram para os dois lados; e passaram ambos em seco.

Sucedeu que, havendo eles passado, Elias disse a Eliseu: Pede-me o que queres que te faça, antes que seja tomado de ti. E disse Eliseu: Peço-te que haja porção dobrada de teu espírito sobre mim.

E disse: Coisa difícil pediste; se me vires quando for tomado de ti, assim se te fará, porém, se não, não se fará.

E sucedeu que, indo eles andando e falando, eis que um carro de fogo, com cavalos de fogo, os separou um do outro; e Elias subiu ao céu num redemoinho.

O que vendo Eliseu, clamou: Meu pai, meu pai, carros de Israel, e seus cavaleiros! E nunca mais o viu; e, pegando as suas vestes, rasgou-as em duas partes.

Também levantou a capa de Elias, que dele caíra; e, voltando-se, parou à margem do Jordão.

E tomou a capa de Elias, que dele caíra, e feriu as águas, e disse: Onde está o Senhor Deus de Elias? Quando feriu as águas elas se dividiram de um ao outro lado; e Eliseu passou.”

Tomamos as palavras do versículo 14 que disse: “Onde está o Senhor, o Deus de Elias?”

“

ONDE ESTÁ O DEUS DE ELIAS HOJE?” É a pergunta que nos vem à mente em nosso tempo.

É importante onde esteve o Deus de Elias no passado; mas o que mais nos interessa é saber onde está neste tempo em que nos corresponde viver.

O Deus de Elias é o Deus criador dos Céus e da Terra; o Deus de Abraão, Deus de Isaque e Deus de Jacó, o qual fez um pacto com Abraão e sua descendência, e o que aparecia aos profetas desde Adão em diante; em algumas ocasiões em corpo visível à vista desses homens de Deus, corpo angelical, e era chamado por eles o Anjo do Pacto ou Anjo do Senhor ou Espírito Santo, porque um espírito é um corpo de outra dimensão.

Também aparecia em uma Luz, na qual apareceu também a Moisés no monte Sinai, monte Horebe, e lhe disse: “Eu sou o Deus de teu pai (ou seja, Amrão), o Deus de Abraão, Deus de Isaque e Deus de Jacó” (Êxodo, capítulo 3, versículos 1 ao 16). Moisés quis saber qual era o Nome do Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó, e lhe foi revelado ali o Nome a Moisés.

Esse Deus Todo Poderoso que aparecia na de luz e também aparecia na forma de um homem, de um ajo, o qual também apareceu a Josué na forma de um Comandante-Chefe, militar, é nada menos que o Criador dos Céus e da Terra, o qual depois se encarnou e habitou entre os seres humanos, e foi conhecido pelo nome de Jesus Cristo; o qual morreu na Cruz do Calvário ao tomar os pecados do ser humano e se fazer pecado por nós, e consequentemente morrer, porque o salário do pecado é a morte.

Ele morreu por todos nós. Havia chegado o tempo para a raça humana morrer, desaparecer; mas Ele veio para salvar o mundo morrendo na Cruz do Calvário. Graças ao que morreu na Cruz do Calvário existe a vida humana na Terra.

O mesmo Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó, do Antigo Testamento, é o mesmo Jesus Cristo do Novo Testamento, o qual se encarnou e viveu entre os seres humanos como um ser humano.

E assim como o Deus de Elias esteve nos diferentes profetas desde Adão até João Batista, e depois em Jesus, em toda Sua plenitude em Jesus, o qual, depois que esteve em Elias, passou a Eliseu, e foi passando de era em era, e de mensageiro, de profeta em profeta, até se manifestar em toda Sua plenitude em Jesus Cristo. Ali estava o Deus de Elias, no instrumento correspondente para uma nova dispensação, o Senhor Jesus Cristo.

Sempre o Deus de Elias esteve no mensageiro correspondente a cada tempo; porque o Deus de Elias é o Anjo do Pacto, Deus em Espírito Santo manifestado em um homem enviado por Deus para certa era ou certa dispensação, e tem estado com o povo que está sob o Pacto correspondente a esse tempo, e tem estado na etapa ou era correspondente para esse tempo, e tem estado manifestado através do Espírito Santo no mensageiro correspondente a cada era e a cada dispensação.

O próprio Cristo disse: “Eu estarei convosco todos os dias, até o fim do mundo.” São Mateus, capítulo 28, versículo 20. E São Mateus, capítulo 18, versículo 20, nos disse: “Onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, eu estarei convosco: Eu estarei entre vós.”

Estamos vendo onde o Deus de Elias disse que estaria; reconhecendo que o Deus de Elias ao se encarnar e se manifestar em toda Sua plenitude em Jesus Cristo, o Deus de Elias encarnado é o Senhor Jesus Cristo, e Ele tem estado com Sua Igreja de etapa em etapa, no mensageiro de cada era, falando à Sua Igreja, guiando a Sua Igreja, abençoando a Sua Igreja, ensinando a Sua Igreja a Palavra correspondente a cada etapa da Igreja do Senhor Jesus Cristo; e chamando e juntando os escolhidos de cada etapa, de cada era da Igreja do Senhor.

O ministério de Elias em Elias Tisbita é muito importante, e depois esse ministério, que é operado pelo Espírito Santo, por Cristo em Elias Tisbita, passou em dupla porção a Eliseu. Depois encontramos que em Eliseu estava o Deus de Elias, acompanhando-o nessa etapa do Programa de Deus.

Depois por terceira ocasião encontramos o Deus de Elias operando o ministério de Elias por terceira ocasião em João Batista, através do qual precursou a Primeira Vinda de Cristo.

O próprio Cristo deu testemunho de que João Batista era o Elias que tinha que vir naquele tempo preparando o caminho ao Messias. “Ele é aquele Elias,” disse Cristo. Isso foi quando lhe dizem no capítulo 17 de São Mateus, versículos 10 ao 13. “Não dizem os escribas que Elias tem que vir primeiro?” Cristo disse: “Em verdade, Elias virá primeiro e restaurará todas as coisa. Mas eu vos digo que Elias já veio, e fizeram dele ou com ele tudo o que quiseram. E então compreenderam que lhes falara de João Batista.”

Ou seja, que o Espírito Santo tinha vindo em João Batista operando o ministério de Elias pela terceira ocasião.

Todas estas três manifestações aconteceram sob o Pacto que Deus fez com o povo hebreu no monte Sinai, com o povo do pacto.

Depois encontramos no Novo Testamento o Espírito Santo, o Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó manifestado no meio de Sua Igreja; e consequentemente, encontramos o Deus de Elias na Igreja do Novo Pacto, que é a Igreja do Senhor Jesus Cristo, passando de era em era e de dispensação em dispensação: da Dispensação da Lei para a Dispensação da Graça; e para o Último Dia passará da Dispensação da Graça para a Dispensação do Reino.

Esse espírito ministerial de Elias, que é o Espírito Santo operando o ministério de Elias por quarta ocasião, o vemos no reverendo William Branham, mensageiro para a sétima etapa ou era da Igreja gentil, representada na era ou igreja de Laodicéia da Ásia Menor.

Vimos uma manifestação grande do ministério de Elias, do Deus de Elias manifestado nesse ministério tão poderoso que foi visto no reverendo William Branham. Depois que ele partiu, a pergunta é: Onde está o Deus de Elias?

O Deus de Elias ainda continua no meio da Igreja do Senhor Jesus Cristo; e o Deus de Elias regressará aos judeus, porque houve uma pausa na Dispensação da Lei, na semana número setenta, onde os primeiros três anos e meio da semana número setenta da profecia de Daniel, capítulo 9, foi cumprida essa primeira etapa de três anos e meio sob o ministério de Jesus Cristo no qual estava; e é o Deus de Elias, Emanuel: Deus conosco. Por isso Ele podia dizer: “O Pai e eu somos um.” [São João 10:30]. Como você e eu podemos dizer minha alma e eu somos um.

Agora, a pergunta é: Se o Deus de Elias veio dos judeus para os gentios, passando da terra de Israel à Ásia Menor sob o ministério de São Paulo, no qual estava o Deus de Elias em Espírito Santo operando esse ministério apostólico; e depois passou à Europa, onde manifestou cinco etapas da Igreja, cinco eras, e manifestou através de cinco mensageiros esse ministério do Espírito Santo, o Espírito Santo operando nessas diferentes eras; pelo qual, o Deus de Elias passou de Israel à Ásia Menor, da Ásia Menor à Europa e da Europa passou para América do Norte: passou ao continente americano, e ungiu com esse ministério profético ao reverendo William Branham, no qual estava o Deus de Elias manifestado falando ao cristianismo, e chamando e juntando o povo nesse tempo.

Mas depois que termina o ministério do quarto Elias, resta o ministério do quinto Elias, onde estará o Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó, o Deus de Elias em Sua manifestação final entre os gentios e depois no meio do povo hebreu. E assim como os judeus trouxeram o Evangelho aos gentios, os gentios o levarão aos judeus, e o rapto acontecerá, disse o reverendo William Branham na página 30 do livro das “Setes Eras da Igreja,” o qual leremos para ter uma idéia clara de onde está o Deus de Elias hoje.

Página 30 do livro das “Eras,” parágrafo 109, disse:

“

Agora, quando voltará o evangelho aos judeus? Quando tiver terminado a dispensação dos gentios. O Evangelho está pronto para voltar aos judeus. Oh, se tão somente lhes pudesse dizer algo que está a ponto de acontecer hoje, em nosso dia. Esta grande coisa que acontecerá percorrerá até Apocalipse 11; e aquelas duas testemunhas, aqueles dois profetas. Moisés e Elias, trazendo o Evangelho de novo aos judeus.”

Nessa manifestação dos ministérios das Duas Oliveiras, dos ministérios de Moisés e Elias, estará o Deus de Elias manifestando-se primeiramente no meio dos gentios na Igreja do Senhor Jesus Cristo, na etapa do Lugar Santíssimo desse Templo espiritual, assim como foi mostrado no templo que Salomão construiu, que construiu no lugar santíssimo dois querubins gigantes de madeira de oliveira cobertos de ouro, e suas asas cobriam o propiciatório.

E consequentemente, no Lugar Santíssimo do Corpo Espiritual de Cristo, ou seja, da Igreja do Senhor Jesus Cristo, que é Seu Templo espiritual, estará o Deus de Elias no Lugar Santíssimo desse Templo, que é a etapa ou Era de Ouro da Igreja, a Era da Pedra Angular.

Lembrem que o lugar santíssimo era de madeira, coberto de ouro por dentro e por fora, porque o ouro representa a Divindade; e ali nesse lugar pequeno, sobre a arca do pacto, no meio dos dois querubins de ouro estava o Deus de Elias, nessa Coluna de Fogo, nessa Luz, que era a única Luz que havia no lugar santíssimo, e que a via o sumo sacerdote uma vez por ano, quando entrava com sangue do sacrifício de expiação.

O lugar santíssimo representa a Era da Pedra Angular. Por isso o reverendo William Branham disse na página 35 do livro de “Citações”: “Olhe para cima, a era que vem... a era...” Vejamos o que disse:

“

AGORA VAMOS TER, TEREMOS... TEMOS UM MINISTÉRIO CHEGANDO, QUE É EXATAMENTE COMO A VIDA CRISTO. O QUE IDETIFICA O MINISTÉRIO? A VINDA DO SENHOR...”

Em seguida, mais abaixo disse:

“

Veja a Igreja Luterana sob a JUSTIFICAÇÃO, vindo fresca do catolicismo. Veja, movendo-se, em seguida veja Wesley, chegando um pouco mais próximo à SANTIFICAÇÃO, tecendo dentro das Escrituras. Veja no meio de Wesley, depois a coisa seguinte que veio era A ERA PENTECOSTAL. E a era pentecostal com a restauração dos dons, os dons espirituais. AGORA VEJA ERA QUE VEM AGORA, PARA CIMA À PEDRA ANGULAR. Vê o que quero dizer? A Vinda do Senhor; O MANIFESTADO; DEUS EM TODA CRIAÇÃO ESPERA QUE A IGREJA ENCONTRE SEU LUGAR POSICIONALMENTE.”

Ou seja, que a Igreja tem que encontrar esse lugar que lhe corresponde neste tempo, essa etapa ou era, a Era da Pedra Angular, porque aí é onde sobe a Igreja no Último Dia para ver a manifestação do Deus de Elias prometida para o tempo final.

Aí, nessa Era de Pedra Angular, é que veremos o Deus de Elias; e a pergunta fica respondida: Onde está o Deus de Elias? O vimos de era em era no povo que está sob o pacto vigente de seu tempo, e o vimos manifestado nos diferentes mensageiros de cada era do Antigo Pacto ou Testamento, e do Novo Testamento, mas agora nos corresponde saber e ver onde corresponde ao Deus de Elias estar manifestado no meio de Sua Igreja e depois no meio do povo hebreu.

Onde está o Deus de Elias? Lembrem que Eliseu tinha pedido uma dupla porção do espírito que estava em Elias; e a promessa é que haverá uma dupla porção para o tempo final, na manifestação do Deus de Elias no meio do povo do Novo Pacto, que é a Igreja do Senhor Jesus Cristo; onde virá a Igreja encabeçada por Cristo manifestado no meio de Sua Igreja operando esses ministérios: o ministério de Elias por quinta ocasião...

E virá como Eliseu nessa manifestação com a dupla porção: a porção espiritual do Espírito de Deus sob o novo nascimento, e a porção física da glorificação de seus corpos, a transformação do corpo, para cruzar ao outro lado do Jordão – recordem que o Jordão representa a morte – passar a eternidade, ao Reino de Deus fisicamente, com vida eterna, em corpos eternos imortais, glorificados, sob a manifestação da dupla porção do espírito ministerial que o Espírito Santo operou em Elias Tisbita, em Eliseu, em João Batista e no reverendo William Branham. E voltará a se manifestar o Espírito Santo, Cristo, o Anjo do Pacto, o Deus de Elias, para uma ressurreição dos mortos em Cristo em corpos glorificados e uma transformação dos que estivermos vivos nesse tempo em que ocorrer a ressurreição dos mortos em Cristo.

Assim como Eliseu veio com uma dupla porção do espírito que estava em Elias, a Igreja e o mensageiro do Último Dia virão com uma dupla porção: a porção espiritual e a porção física; virá com a manifestação dos filhos e filhas de Deus, com a glorificação, com a transformação, não somente espiritual, mas também física; o qual será a adoção ou redenção do corpo, a adoção dos filhos e filhas de Deus, com a vida eterna espiritual e física no Reino de Deus.

Para o qual, é importante saber onde está o Deus de Elias, porque Ele é quem fará todas estas coisas no meio do povo do Novo Pacto, que é a Igreja do Senhor Jesus Cristo, na era que corresponde a este tempo final.

Não será na primeira era; para aqueles da primeira era o que há é uma ressurreição em corpos glorificados. Não será para os da segunda, terceira, quarta, quinta, sexta ou sétima, porque essas eras já passaram. Será para a Era de Pedra Angular, que é a era onde se sobe depois da sétima etapa ou era da Igreja gentil.

Assim como se perguntássemos na primeira era: “Onde está o Deus de Elias?”, teríamos que dizer: Está na primeira era, e está manifestado através de São Paulo, o mensageiro da primeira era para a Igreja gentil”, e assim em cada era com cada mensageiro. Mas agora o mais importante saber é onde está hoje em nosso tempo.

No próximo domingo veremos com mais detalhes este tema, já que hoje somente é a introdução para o tema bíblico do próximo domingo, titulado: “ONDE ESTÁ O DEUS DE ELIAS HOJE?”

Se há alguma pessoa que ainda não recebeu a Cristo como Salvador e quer recebê-lo, nestes momentos pode fazer, e oraremos por você, para o qual pode passar à frente e oraremos por você.

No próximo domingo estaremos novamente com vocês; e aqueles que ainda não receberam a Cristo, podem fazer também no próximo domingo. Primeiro Deus.

Foi para mim um privilégio grande estar com vocês nesta ocasião, nesta introdução de nosso tema da escola bíblica para o próximo domingo: “ONDE ESTÁ O DEUS DE ELIAS HOJE?”

Continuem todos passando uma noite feliz, cheia das bênçãos de Cristo nosso Salvador, o Deus de Elias.

Deixo com vocês o missionário Miguel Bermúdez Marín, para continuar e finalizar nossa parte nesta ocasião.

Foi para mim um privilégio grande estar conversando com vocês sobre este tema, como introdução ao estudo bíblico do próximo domingo.

Deixo com vocês o missionário Miguel Bermúdez Marín, e continuaremos nos vendo nestes dias conforme aos anúncios que serão feitos nesta ocasião.

Que Deus os abençoe e guarde a todos.

Que as bênçãos do Deus de Elias, Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó, sejam sobre todos vocês e sobre mim também. No Nome do Senhor Jesus Cristo. Amém e amém.

“

ONDE ESTÁ O DEUS DE ELIAS HOJE?”

Imagens: